Todo naufrágio é também um lugar de chegada

Livro físico R$38,00
Favoritar
Favoritar
Trecho do livro

Não existe transformação possível se a travessia for serena. É o que parece nos dizer esta obra de Marco Severo que você pode estar prestes a ler. Em cada conto, em cada personagem, situações colocam o ser humano confrontado com o mundo à sua volta e consigo mesmo. Reunidas nestas vinte histórias estão o medo, a loucura, a infância amarga, a velhice decrépita, a desesperança, a morte. Mas não só, porque falar dessas coisas é também tratar do seu oposto.

Em estoque

Dados técnicos

Título: Todo naufrágio é também um lugar de chegada
Autor: Marco Severo
Dimensões: 14 x 21 cm
Páginas: 208
Gênero: Conto
Ano: 2016
ISBN: 978-85-92579-03-6
Edição: 1ª

Sobre o livro

Não existe transformação possível se a travessia for serena. É o que parece nos dizer esta obra de Marco Severo que você pode estar prestes a ler. Em cada conto, em cada personagem, situações colocam o ser humano confrontado com o mundo à sua volta e consigo mesmo. Reunidas nestas vinte histórias estão o medo, a loucura, a infância amarga, a velhice decrépita, a desesperança, a morte. Mas não só, porque falar dessas coisas é também tratar do seu oposto.

É assim que o leitor entrará em contato com a paz advinda do aprendizado amoroso, as descobertas dos muitos eus que nos habitam, o recomeço após perdas debilitantes, a esperança que não se perde nunca. São histórias de homens e mulheres soltos no inescapável labirinto da vida, por onde ninguém passa incólume. Para além do devir inerente ao ser humano em sua imensa capacidade de mutação, esta obra perfaz no leitor o trajeto de volta, o olhar generoso para com as vivências possíveis, a delicadeza que existe em cada gesto.

É também um livro que provoca, ao nos fazer refletir sobre as possibilidades daquilo que faz ser quem somos ou podemos vir a ser, se estivermos inseridos nas circunstâncias que nos exigem atitudes que, muitas vezes, só sabemos ser capazes de tomar diante do fato. Entrar neste universo é abrir-se para o que existe de mais desconhecido em nós mesmos, é ser tocado pela ficção e atravessado pela realidade. Aqui, naufrágio não é fim, é possibilidade de começo. Ou de recomeço. Chegar a um lugar diferente do que se espera é uma das possibilidades de ser. Em meio a isso tudo, uma narrativa sedutora, capaz de arrebatar o leitor desde as primeiras linhas e envolvê-lo num abismo de sensações evocadas a partir do impacto causado por cada uma das histórias. Todo naufrágio é também um lugar de chegada é sobretudo uma obra para quem quer ler histórias memoráveis, contadas por um escritor de prosa incendiária.

Sobre o autor Marco Severo

É professor formado em Letras/Inglês pela Universidade Federal do Ceará. Tem contos publicados no Brasil e no exterior. Colabora com diversos sites voltados para literatura. É também professor e orientador de alunos de Escrita Criativa. Antes desse livro publicou Os escritores que eu matei (2015, crônicas), Todo naufrágio é também um lugar de chegada (2016) e Cada forma de ausência é o retrato de uma solidão (2017), ambos de contos e Coisas que acontecem se você estiver vivo (2018, crônicas) e retornou ao conto em Se eu te amasse, estas são as coisas que eu te diria (2019). Pode ser contactado através do seu site: www.marcosevero.com.br

Você também pode gostar de…