Cavalo de Terra

Livro físico R$56,00
Favoritar
Favoritar
Trecho do livro

Como na vida, todos os personagens de Linhares – uma das vozes mais proeminentes da literatura paranaense contemporânea – pedem socorro de forma errática. O mal estar gerador de desesperos difusos e desendereçados é o grande personagem deste livro que o leitor tem agora em mãos.

Yuri Al’Hanati

Dados técnicos

Título: Cavalo de Terra
Autor: Otavio Linhares
ISBN: 978-65-5681-059-1
Edição: 1ª
Dimensões: 14×21 cm
Páginas: 156
Gênero: Romance
Ano: 2021

Sobre o livro

O narrador deste romance – sem nome, sem idade e sem lugar de destaque – é o caçula de uma família em ponto de erosão. Em um fluxo frenético de pensamento derramado pelo cotidiano e por entre seus lugares escuros de consciência, ele nos apresenta sua realidade aquebrantada. O irmão promessa, o outro irmão ladrão, o pai beberrão, a mãe apagada e a avó sobrevivente são os átomos desse núcleo familiar e pano de fundo para episódios corriqueiros que compõem um mosaico da solidão.

Os personagens de Otavio Linhares, a conhecer por sua trilogia de contos anterior a este Cavalo de Terra, transitam entre o escárnio e a tragédia, num registro oral que exige malícia e velocidade por parte do leitor. Suas vozes se misturam, se confundem e canibalizam, explicitam o cru e tropeçam na pobreza de seus repertórios. Cabe ao leitor encontrar a ferida afetiva e dar o diagnóstico emocional com base em seus gritos abafados. Como na vida, todos os personagens de Linhares – uma das vozes mais proeminentes da literatura paranaense contemporânea – pedem socorro de forma errática. O mal estar gerador de desesperos difusos e desendereçados é o grande personagem deste livro que o leitor tem agora em mãos.

Yuri Al’Hanati

***

Escrita de quem escuta, observa, traduz o mundo.

Texto para ser lido em voz alta, pois, como toda boa literatura, consegue sustentar-se na voz humana, escapa do papel para ser carne.

Temos aqui um narrador poderoso, cuja capacidade descritiva invoca presenças, fazendo com que elas invadam o que é narrado através de uma frase, uma expressão, uma palavra. Um narrador capaz de nos lembrar que antes de tudo, essas pessoas submetidas a um sistema de desigualdade profunda, são humanas, paradoxais.

Linhares nos coloca para frente, nos convida a pensar a literatura como música, ritmo, pintura, paisagem. Há uma beleza que perfura os olhos para que vejamos melhor com nossa sensibilidade ativada, esta capacidade humana tão entorpecida pelos tempos que correm.

Não deixem de fruir este livro com tudo de mais terrível e belo que ele carrega. Aqui, neste universo, não há maniqueísmo.

Dione Carlos

Sobre o autor Otavio Linhares

Otavio Linhares tem 42 anos e é natural de Curitiba – PR. Tem formação em História, Filosofia e Artes Cênicas. Cavalo de Terra é seu primeiro romance e quarto livro publicado. Além deste já publicou: O Cão Mentecapto (contos/2017); O Esculpidor de Nuvens (contos/2015) e Pancrácio (novela/2013).

Você também pode gostar de…