Carrinho 0

O avesso da lâmpada

Título: o avesso da lâmpada
Autor: Demetrios Galvão
Dimensões: 14 x 21 cm
Páginas: 88
Gênero: Poesia
Ano: 2017
ISBN: 978-85-92579-24-1
Edição: 1ª

R$35,00

Em estoque

ID do produto: 1296 REF: P03. Categoria .

SOBRE O LIVRO

O avesso da lâmpada trata de uma reafirmação, sempre ampliada, de uma poética que já está lá, nos livros anteriores, e segue em sua sempre “nova geografia de ideias”, na qual o sonho e a visão imagética são matéria-prima, mas não só. Ainda que as imagens (oníricas, tão caras aos surrealistas) prevaleçam nos poemas mais prosaicos, é visível também uma preocupação formal com a concisão, o que o distancia (ainda que o diálogo com a tradição permaneça) daquele movimento e o distingue pela construção de uma linguagem própria e uma sintaxe singular, sabendo tratar-se de um trabalho árduo, esse da “arte com espinhos”.

A temática dialoga com o aqui e o agora, desde o punk rock (The Clash), passando pelo inevitável tema metalinguístico (“as palavras têm febre” ou “cultivo um sincretismo modulado”), culminando com a surpreendente série de 30 poemas “cidade rabiscada”, que devo confessar, foram os que mais me tocaram.

A poesia (e eu diria toda a literatura) chamada moderna (e quando digo moderna vou até Baudelaire) não escapou nem escapa do conflito travado entre o poeta e a complexidade urbana e humana da “cidade Frankenstein”, que (“entorpecidos de vertigens”) habitamos, aquela que esconde poemas e que é escondida por eles.

Inevitável não adentrar a esse “mapa devastado” e sua ondeante geografia (a de todos os sentidos). Senti aqui um poeta seguro de suas escolhas e sem medo de revelar (vide as epígrafes) os diálogos literários travados nessa trajetória. Se, como diz o poeta, “a poesia é a arte do encontro”, este encontro com a obra de Demetrios Galvão muito me acrescenta e ao desejável diálogo entre poetas e poesia

Orelhas escrita Por Dalila Teles Veras

 

SOBRE O AUTOR

Nasceu e vive em Teresina. É poeta, professor e historiador, com mestrado em história do brasil. Autor dos livros de poemas fractais semióticos (2005), insólito (2011), bifurcações (2014) e do objeto poético capsular (2015). Foi membro do coletivo poético Academia Onírica (2010/2012) e editor da ao-revista (2011). Atualmente, edita a revista Acrobata, o blog  Janelas em rotação, colabora no site LiteraturaBr e atua com o coletivo roda de poesia – tensão, tesão e criação.

 

LIVRO DIGITAL

AMAZON
IBOOK
KOBO
CULTURA
GOOGLE
SARAIVA

Peso 146 g
Dimensões 14 x 0.8 x 21 cm